Nutrientes que não podem faltar na alimentação felina

Os nutrientes que não podem faltar na alimentação felina são surpreendentemente diferentes daqueles que humanos ou cães necessitam. De todos os animais carnívoros, os felinos são os mais especializados em sua função de comer carne.

Gatos são capazes de sobreviver com praticamente nenhum outro alimento além de carne e água. Seu corpo é totalmente especializado nesta tarefa, e eles são capazes de desenvolver os componentes necessários em seu corpo através destes ingredientes.

Por isso, os nutrientes que não podem faltar na alimentação felina são aqueles ricos em proteínas e gorduras, abrindo-se mão de carboidratos. Os felinos não são onívoros, e até mesmo sua estrutura intestinal é distinta dos mamíferos desta categoria.

Saiba mais sobre os nutrientes que não podem faltar na alimentação felina, e quais são as principais características que você deve levar em consideração sobre estes animais:

Nutrientes necessários

Há basicamente cinco categorias de nutrientes que não podem faltar na alimentação felina: proteínas,  ácidos graxos essenciais, minerais, vitaminas e, claro, água. Como se pode perceber, a dieta de gatos não requere carboidratos como parte importante da dieta.

O sistema metabólico destes felinos faz com que a proteína e a gordura sejam convertidas em glicose, fazendo com que a dieta ideal dos gatos seja rica em proteínas e gorduras, abrindo-se mão de carboidratos.

Proteínas

O suprimento de proteínas na dieta é a necessidade primária de todo gato. É especialmente através dela que são formadas as enzimas, os anticorpos, os hormônios e tecidos necessários no corpo. É da proteína que um gato obtém a energia necessária para seu crescimento e desenvolvimento, por exemplo.

Preferencialmente, essas proteínas devem ser obtidas de carnes diversas, como gado, peixes e aves, bem como ovos. Essas fontes proteicas são consideradas completas, permitindo que o gato obtenha um perfil mais amplo de nutrientes que não podem faltar na alimentação felina.

Por isso, não apenas a proteína é essencial para a alimentação felina, mas especialmente a proteína de fonte animal é exigida, uma vez que só elas possuem os amino-ácidos exigidos para o correto desenvolvimento do animal.

Gorduras

As gorduras são fontes concentradas de energias e ácidos graxos na alimentação de um gato. Elas são essenciais no funcionamento metabólico e na integridade das células, na atualidade. As gorduras saturadas, necessárias para os gatos são obtidas primordialmente em fontes animais.

Minerais

Há minerais essenciais que o organismo de um felino exige para praticamente todas as suas funções fisiológicas. Os minerais auxiliam na formação de enzimas, no equilíbrio do pH, na captação e utilização de nutrientes, bem como em seu transporte e armazenamento.

Entre estes minerais importantes, destacam-se o cálcio, o cromo, o flúor, o iodo, o ferro, o magnésio, o manganês, o potássio, o fósforo, o sódio e o zinco. A quantidade de minerais que o animal necessita depende diretamente da idade, do estado de saúde e do tipo de alimentação que ele possui.

Vitaminas

Vitaminas, assim como os minerais, são nutrientes que não podem faltar na alimentação felina. Elas atuam diretamente sobre a regulação do metabolismo, do crescimento e das funções mais básicas do gato.

Gatos necessitam tanto de vitaminas lipo-solúveis, como a A, a D, a E, e a K, quanto aquelas solúveis em água, como a C e o complexo B. Geralmente, associa-se as lipo-solúveis como vitaminas armazenadas no corpo, enquanto o outro grupo costuma ser eliminado mais rapidamente.

Água

Por fim, não pode faltar a água. Embora não seja um nutriente propriamente dito, é parte absolutamente essencial da dieta felina. Os gatos desenvolveram-se de forma que a maior parte de suas necessidades por água fossem ingeridas através de carnes cruas e frescas. Isso faz com que eles tenham pouca sede, de forma instintiva, mesmo que você o alimente com ração seca.

Por isso, é importante dar atenção a quanta água seu gato está consumindo: alimentá-lo apenas com ingredientes secos pode levá-lo a um quadro de desidratação, que pode ser percebido apenas quando já agravado.

Leave a Reply

Ad Blocker Detectado

Our website is made possible by displaying online advertisements to our visitors. Please consider supporting us by disabling your ad blocker.

Refresh